Vemos que a própria definição de tropas militares já é algo assustador: um bando de homens armados e camuflados cujo seu maior objetivo é aniquilar o maior número de inimigos possíveis.

No entanto, alguns grupos de soldados se destacam. Nós já os vimos em filmes, seriados e jogos de videogame, mas fotografias desses guerreiros reais prometem aterrorizar-nos por algum tempo. Vejam agora as 8 tropas militares mais assustadoras do mundo.

8. Os homens-rãs dinamarqueses

8--600x400

87-600x337

Trata-se de uma elite de forças especiais da Marinha Real da Dinamarca, constituída em 1957, e composta por equipe de mergulhadores profissionais e por soldados. O principal dever dos homens-rãs é reconhecimento de terreno, mas eles também podem ser encarregados de invadir navios inimigos, sabotar instalações fixas e combater. Além disso, ainda podem executar serviços de forças especiais em terra, incluindo ações anti-terrorismo e trabalho anti-criminal.

7. A Divisão de Cavalaria do exército chinês

77-600x464

Considerada uma força em decadência, porém com uma rica e intensa história, os soldados da Divisão de Cavalaria do exército chinês costumavam dominar as extensões territoriais do terceiro maior país do mundo. Basta dar uma olhada na imagem que ilustra este tópico, com guerreiros mal encarados, cavalos grandes e espadas!

6. Exército iraniano vestido de branco

6--600x399

6-600x417

Esqueça o modelo padrão de soldados vestidos de uniforme camuflado – que já é meio estranho, mas pelo menos já estamos acostumados. Agora preste atenção nas vestes inteiramente brancas (incluindo máscaras!) do exército do Irã. O “toque” de Ku Klux Klan é bem aterrorizante, certo?

5. As tropas militares sul-coreanas

59-600x870

Não se trata de uma locação de filme do Jackie Chan nem de um truque de cinema. Os soldados desta imagem estão realmente quebrando tijolos com a força do corpo. As faixas ninjas na cabeça e o rosto inteiro pintado dão um toque ainda mais sinistro à cena.

4. Agentes do sexo feminino da Coreia do Sul

4-600x381

O 707° Batalhão de Missão Especial representa a força especial do Comando de Guerra do Exército da Coreia do Sul. A unidade tem como objetivo principal ser a reação contra-terrorista primária do país. O apelido do batalhão é “Tigre Branco”. A unidade também possui um pequeno número de mulheres agentes das forças especiais, como se pode observar na fotografia. Elas são usadas em operações antiterrorismo, onde a presença de uma mulher não é vista como uma ameaça para um terrorista. Nós, por outro lado, achamos essas moças bem ameaçadoras.

3. Forças Especiais do exército francês

36-600x372
Outro caso de uniforme que parece saído de um filme de ficção científica de Hollywood. Novamente, não é o caso. Desta vez, a imagem ilustra soldados pertencentes às Forças Especiais do exército da França, mais especificamente à Seção de Intervenção da Ofensiva Náutica francesa. Mas poderiam muito bem pertencer aos estúdios da Universal.

2. Forças Especiais mexicanas

29

Os soldados que fazem parte das Forças Especiais do México estão divididos entre o Exército e a Marinha do país. Na foto, os militares exibem seus  rifles quase tão compridas quanto a altura dos próprios soldados – além da pintura facial, moda já tradicional nesta lista. Encontrar com um sujeito desses no campo de batalha seria aterrorizante.

1. Forças Especiais da Bielorrússia

Belarus interior special forces demonstrate the ability to break concrete slates with their foreheads during a sport show to mark the upcoming beginning of Maslyanitsa, an ancient week long celebration of saying goodbye to the already passed winter, in Minsk, Belarus, Sunday, Feb. 25, 2007. Maslyanitsa (which means "butter" in Belarussian) or Shrovetide is a traditional carnival in Russia, Belarus and Ukraine. (AP Photo/Sergei Grits)

1--600x420

1-1-600x416

O que pode ser ainda mais másculo e ninja do que quebrar tijolos com a cabeça? Bem, vamos começar prestando atenção no detalhe que alguns soldados estão sem camisa, mesmo que a temperatura na hora das fotografias estivesse congelante (repare no pessoal todo encasacado observando a demonstração militar). Agora vamos ao ponto principal: esses integrantes das Forças Armadas Bielorrussas estão rachando blocos de concreto usando apenas simplesmente sua cabeça. Ah, e os objetos – claro! – estão pegando fogo. Por favor não tente reproduzir isso em casa