O Exército sírio e as milícias populares retomaram o controle de um monte estratégico e um número de campos de petróleo dos terroristas do Daesh na província síria de Homs, informou a agência noticiosa iraniana FARS.

Depois de capturar o monte Jabal Jazal e os campos petrolíferos nos seus arredores, as tropas governamentais que agem em coordenação com as Forças de Defesa Nacional (FDN) avançaram ao sul em direção a Palmira expulsando os militantes do Daesh de uma parte do vale Wadi al-Dhakara, precisa a FARS.Mais cedo nesta semana, o Exército sírio e as forças populares causaram grandes perdas aos terroristas na província de Homs retomando o pleno controle sobre uma parte de regiões petrolíferas na parte leste da província.

Em 22 de fevereiro foi publicada a declaração conjunta dos EUA e da Rússia sobre a Síria, sobre o cessar-fogo entre as tropas do governo sírio e os grupos armados da oposição a partir de 27 de fevereiro, sem o mesmo, no entanto, ser aplicado ao Daesh, Frente al-Nusra e outras organizações que a ONU considera como terroristas.

Pouco antes de o cessar-fogo ter entrado em vigor, o Conselho de Segurança da ONU adotou a resolução 2268 sobre este acordo russo-americano.Desde o cessar-fogo, a Rússia está se focando no fornecimento da ajuda humanitária às regiões sírias. Durante dois dias foram fornecidas 2,5 toneladas da alimentação às povoações nas províncias de Homs e Latakia que aderiram ao cessar-fogo.

FONTE: SPUTNIK