Segundo a agência de noticias do regime de Kim Jong-un, a Coreia do Norte está “pronta para reagir a qualquer tipo de guerra desejada pelos Norte-americanos” e alerta que o envio do porta-aviões USS Carl Vinson para a região no último final de semana terá “consequências catastróficas”.

“Tomaremos as contramedidas mais resistentes contra os provocadores para nos defendermos pelo uso da força das armas”, Disse o porta-voz do Ministério do Exterior norte-coreano.

“A grave situação prova novamente que a Coreia do Norte estava no seu direito quando aumentou suas capacidades militares para se defender e realizar ataques preventivos usando a força nuclear”, continuou a nota.

O deslocamento do porta-aviões “USS Carl Vinson” e seu grupo de ataque coincide com a intenção de Washington de promover sua capacidade defensiva na região frente às ambições nucleares da Coreia do Norte.

As informações foram divulgadas pela agência de notícias estatal Korean Central News Agency.

No último dia 8/04 a Coreia do Norte condenou o ataque realizado pelos EUA contra uma Base aérea de Al Shayrat, em Homs na Síria.