Artigos

Afinal, os EUA levaram uma surra no Vietnã?

1
Afinal, os EUA levaram uma surra no Vietnã
Afinal, os EUA levaram uma surra no Vietnã

Os Estados Unidos sofreram mesmo uma derrota humilhante na Guerra do Vietnã como muitos dizem por aí? Leia e entenda:

A Guerra do Vietnã teve início em 1955 e é considerada como uma das maiores e mais sangrentas guerras de todo século XX, com algumas estimativas apontando que mais de 4 milhões (entre civis e militares, de 1955 a 1975) morreram no conflito.

Teve início devido à tensão pela qual os recém-criados países Vietnã do Sul (capitalista) e Vietnã do Norte (socialista) passavam e também devido ao golpe de estado realizado por Ngo Dinh Diem – lider do Vietnã do Sul – para impedir as eleições diretas que aconteceriam em 1956 para decidir se os dois países iriam se unificar ou não.

Com esse golpe realizado, o Vietnã do Norte, que tinha por objetivo unificar os dois países sob a bandeira comunista, declarou guerra ao Vietnã do Sul.

Começava assim a Guerra do Vietnã ou Segunda Guerra da Indochina.

Ho Chin Minh, líder do Vietnã do Norte, e Ngo Dinh Diem, líder do Vietnã do Sul.

Ho Chin Minh, líder do Vietnã do Norte, e Ngo Dinh Diem, líder do Vietnã do Sul.

No início, EUA e URSS apenas apoiavam indiretamente, o que mudou em agosto de 1964, quando o destroyer da U.S. Navy USS Maddox foi atacado por lanchas da Marinha do Vietnã do Norte.

Vejam: 15 Imagens da Guerra do Vietnã raramente vistas pelo público

Apesar de muitos não acreditarem nesse ataque, o então presidente Lyndon Jhonson usou isso como argumento para os EUA entrarem diretamente no conflito. Então, em 1964/1965, as primeiras tropas norte-americanas chegavam na região, e tinham por objetivo impedir com que o Vietnã do Norte dominasse o sul. O conflito ceifou a vida de mais de 56 mil norte-americanos e mais de 1,3 milhões de vietcongs.

Soldado norte-americano com seu fuzil M-14

Soldado norte-americano com seu fuzil M-14

No início, os norte-americanos acreditavam que venceriam em apenas 8 semanas, entretanto os EUA só começaria a se retirar da região 8 anos depois.

Vejam: 7 Curiosidades da Guerra do Vietnã que talvez você não saiba

Chega de papo, vamos à questão:

Afinal, os EUA perderam mesmo na Guerra do Vietnã?
Na parte militar, os EUA não perderam no Vietnã e muito menos levaram uma surra, como muitos dizem por aí. Das 60 grandes batalhas travadas no conflito, todas foram vencidas pelos norte-americanos, sem contar que o número de vietcongs mortos era 20x maior do que o número de soldados norte-americanos mortos. Em 1972, os EUA realizaram a operação Line Backer 2, operação a qual destruiu tudo o que restava do poder industrial norte-vietnamita.

F-4 Phanton do USMC  disparando foguetes sobre posições inimigas.

F-4 Phanton do USMC  disparando foguetes sobre posições inimigas.

Com isso, o governo do Vietnã do Norte reconheceu sua derrota e aceitou os termos de paz propostos pelos EUA. Tais termos foram assinados em Paris, em janeiro de 1973, e ficou conhecido como o Acordo de Paz de Paris. Assinando este acordo, o Vietnã do Norte reconheceu oficialmente a sua derrota e seu fracasso em não conseguir dominar o Vietnã do Sul. Com o objetivo final concluído (que era impedir que o Vietnã do Norte dominasse o Vietnã do Sul), os norte-americanos começaram a se retirar da região.

A-7 Corsair II lançando bombas.

A-7 Corsair II lançando bombas.

Dois anos depois, em 1975, a presença norte-americana não existia mais no Vietnã, por conta disso o Vietnã do Norte, apoiado pela China e URSS, viu uma oportunidade de ouro, rasgou o Tratado de Paz de Paris e voltou a invadir o Vietnã do Sul.

Então, já que o Vietnã do Norte atacou o Vietnã do Sul, por que os EUA não interveio novamente? Por dois motivos: primeiro era que o então presidente norte-americano era contrário à intervenção dos EUA no Vietnã e praticamente 100% da população norte-americana era contrária à guerra – vale ressaltar que é inviável para uma nação manter uma guerra daquelas proporções sem o apoio popular. Por conta disso, o EUA não interveio novamente e o Vietnã do Sul foi rapidamente derrotado.

Conclusão: enquanto estiveram presentes, os EUA tiveram sucesso e atingiram seu objetivo final, entretanto o Vietnã do Norte voltou a invadir o Vietnã do Sul em 1975, época na qual os EUA não estava mais presente na região. Podemos dizer que a derrota que os EUA sofreu foi de um ponto de vista meramente político, e não na parte militar, como muitos dizem.

Clique para classificar este post!
[Total: 0 Média: 0]
Lane Mello
Fundador e Editor da Fatos Militares. Jovem mineiro, apaixonado por História, futebol e Games, Dedica seu tempo livre para fazer matérias ao site.

Johann Georg Elser – O homem que quase matou Hitler

Artigo anterior

Aviões C-23B Sherpa serão doados ao Exército Brasileiro

Próximo artigo

1 Comentário

  1. Gostei do texto, tive conhecimentos de detalhes importantes que não conhecia e sempre achei estranha a história de que os EUA perderam a guerra, agora o texto serve para colaborar com o que achava.

    Obs: O articulista escreve bem e parece ter conhecimento da língua, mas acho que ele errou na escrita da palavra “tenção”, acredito que nesse caso é com “s”. Se puderem acho que seria interessante verificar e corrigir.

    Obs 2: Estou falando por uma questão estética, porque eu particularmente não gosto de ver erros de escrita num texto bom, e esse texto está realmente bom, não é pra criticar negativamente ou aparecer.

Os comentários estão fechados.

Mais Artigos