É fato que o ser humano é craque em arrumar brigas, não é mesmo? E essa predestinação para conflitos acaba, algumas vezes, em guerra, e com isso, algumas armas são criadas. 

Algumas dessas armas não deram tão certo como deveriam e você poderá conhecer algumas delas aqui abaixo.


Conheça as armas mais imbecis já criadas durante a guerra

Carro blindado, ou não…

Ele foi projetado com uma hélice e um motor parecidos com um avião da época, os projetores tinham intenção de facilitar a locomoção dos soldados, armas e bombas em terrenos arenosos.

Mas além da blindagem totalmente fajuta, ele levava uma metralhadora fixa em sua frente. O carro se mostrou indefeso em toda as vezes que foi atacado por inimigos, tornando-se um alvo fácil.

Gun Volley Vandenburgh

Projetada com vários canos, para ter um disparo múltiplo com apenas um disparo, a arma deveria ser um sucesso total. Contudo, foi um desastre completo por conta de problemas e travamentos.

Mark 14, o torpedo “brochante”

Essas armas geraram muita polêmica durante a Segunda Guerra Mundial, pois apresentavam um péssimo funcionamento quando usadas em territórios variados, mas seu fabricante acreditava que não havia nada de errado com a sua invenção. 

Porém, este específico apresentou ainda mais problemas, eles simplesmente não disparavam por conta das influências magnéticas do Pacífico Sul.

Cão-bomba

Incontáveis militares tinham como costume usar animais como armas em combates, principalmente se fossem usadas bombas. Na Rússia, diversos cães foram adestrados para correr embaixo de tanques inimigos, com bombas amarradas em seus corpos.

Porém, nos seus treinamentos, não eram usadas bombas e tiros, o que teve como resultado muitos cães que não saiam dos seus lugares, por medo do barulho e da movimentação.


E para os que ainda saiam sobravam muitos tiros antes mesmo de chegarem perto dos seus alvo, o que não deixava os animais completarem a missão. 

Clique para classificar este post!
[Total: 1 Média: 5]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here