ArmasArtigos

Moskva: Quem afundou o maior navio de guerra do mundo?

0
Moskva: Quem afundou o maior navio de guerra do mundo?
Moskva: Quem afundou o maior navio de guerra do mundo?

Moskva: Quem afundou o maior navio de guerra do mundo?

Moskva era um dos trunfos dos russos durante a guerra com a Ucrânia. Ele tinha uma enorme importância para manter uma posição de vantagem no Mar Negro.

Conforme as informações dadas pelo Ministério de Defesa dos Russos, o Moskva explodiu por conta de um erro interno, onde os armamentos deste gigante militar explodiram por uma falha de segurança. 

O Moskva é um dos 3 cruzadores pesados de elite, pertencente à classe Slava. É a nau principal da Frota do Mar Negro. Até o momento há 3 teorias sobre o motivo da destruição do navio: Acidente interno, ataque de mísseis Ucranianos ou colisão com minas marítimas.

Moskva afundou por conta de um acidente?

Uma das linhas teóricas aponta que de fato o navio pode ter afundado por problemas internos, que provavelmente tenham sido desencadeados por falta de manutenção ou até mesmo uma sabotagem interna. Uma explosão interna dos mísseis do navio poderiam de fato causar o fim do poderoso Moskva.

Outra teoria é de que um raio possa ter atingido os mísseis do navio durante uma tempestade violenta, ocasionando na explosão interna. Seria um tremendo azar, mas não seria algo impossível, apesar de ser improvável.

Ataque de mísseis ucranianos

Há teorias de que os ucranianos teriam atacado o grande Moskva com uma rajada de mísseis guiados por drones (UAV/ VANT/ RPA/ ARP). E apesar do Moskva ser um navio impressionante, ele possui seus pontos fracos, levando-se em conta que seu sistema antiaéreo é antigo e possa enfrentar dificuldades em se defender de mísseis antinavio da espécie Sea Skimming o qual voa rente as ondas.

Veja: O poder dos Drones de Guerra

Minas navais

Inúmeras minas foram encontradas no Mar Negro desde o início da guerra. E a queda do navio pode ser a consequência de uma série de explosões causadas por minas, apesar de ser a teoria menos provável das três, levando-se em conta a resistência e tamanho do navio.

Clique para classificar este post!
[Total: 1 Média: 5]
felipeblazerz
Redator há mais de 3 anos. Felipe é amante da filosofia e da geopolítica.

    Poder Aéreo – Os melhores caças do mundo

    Artigo anterior

    Ameaça global: Putin revela míssil nuclear mais poderoso de todos os tempos

    Próximo artigo

    Comentários

    Os comentários estão fechados.

    Mais Armas