O Pentágono informou nesta quinta-feira, 13, ter lançado a maior bomba não nuclear na província afegã de Nangarhar, como parte de um ataque contra posições do Estado Islâmico no Afeganistão.

O bombardeio alvejou cavernas dos jihadistas e foi operado pelo Comando de Operações Especiais da Força Aérea americana.

Essa foi a primeira vez que uma bomba desse tipo foi usada em combate. A bomba foi lançada de uma aeronave MC-130, segundo o porta-voz do Pentágono Adam Stump.

MOAB = Mãe de todas as bombas

A Bomba utilizada no ataque foi uma MOAB GBU-43, A sua explosão é capaz de destruir construções em um raio de até um quilómetro. Contém aproximadamente 8.165 quilos de tritonal, uma mistura de TNT (80%) e pó de alumínio (20%). O alumínio potencia a capacidade detonante do TNT, em cerca de 18%.

Ela está em serviço desde 2003 e foi desenvolvida para a Guerra do Iraque.