Está prevista para setembro a chegada no Brasil de 50 viaturas blindadas transferidas pelo Exército dos EUA ao Exército Brasileiro. São 34 carros do modelo M577 A2, 12 carros do modelo M113 A2 e ainda quatro carros blindados de socorro M88 A1.

Os blindados irão mobiliar unidades da 5ª Brigada de Cavalaria Blindada, em Ponta Grossa (estado do Paraná) e da 6ª Brigada de Infantaria Blindada, em Santa Maria (estado do Rio Grande do Sul). “A chegada dos veículos agregará maior poder de combate à nossa Força Terrestre”, afirmou o Centro de Comunicação Social do Exército (CCOMSEx). Ambas unidades estão subordinadas ao Comando Militar do Sul, que possui 75% dos meios mecanizados da Força Terrestre.

M577A2
M577 A2

Periodicamente, o Exército dos Estados Unidos desativa parte de seus equipamentos de defesa considerados como excedentes e propõe a transferência do material a nações parceiras. O Comando Sul dos EUA informou que as viaturas foram processados no âmbito do programa de subvenção Artigos de Defesa em Excesso, enquanto a transferência será executada através de um caso de vendas militares estrangeiras”.

As viaturas de guerra que vão equipar o Exército brasileiro têm em média 30 anos de uso, mas estão em “estado de novo”, segundo autoridades consultadas pelo CECOMSEx, que informou ainda que os equipamentos não irão passar por nenhum processo de modernização antes de serem colocados em operação no Brasil. Também não será necessária troca de peças.

A negociação entre Brasil e Estados Unidos foi fechada em dezembro de 2015. Os custos de transporte dos blindados e de inspeção de desembarque são de responsabilidade do Exército brasileiro e estão orçados em cerca de R$ 2 milhões de reais.

M88 A1
M88 A1

 

Via: defesanet