As buscas pelo piloto do caça da Marinha que caiu no mar de Saquarema, na Região dos Lagos do Rio, seguem na manhã desta quinta-feira (28). O piloto, que ainda não teve a identidade divulgada pela corporação, está desaparecido desde a tarde de terça-feira (26)quando o avião que pilotava se chocou contra outro durante um treinamento padrão de ataque a alvos de superfície.

A Marinha não interrompeu as buscas durante a madrugada e conta desde a tarde desta quarta com o auxílio de um navio-sonda. O Corpo de Bombeiros divulgou nesta manhã que retornou ao local para auxiliar nas buscas por volta das 7h50. Eles contam com botes e jet-skis.

Segundo a Marinha, o piloto acionou a ejeção da aeronave por volta das 14h30 de terça. No entanto, a corporação não confirma que ele tenha conseguido sair da aeronave.

macae-gustavo-casto-29-06-13.2

Navios e aeronaves da Marinha estão no local. Segundo informado nesta quarta pela corporação, também estão sendo empregados equipes e estrutura do Exército Brasileiro, da Força Aérea Brasileira, além do Corpo de Bombeiros.

A Marinha também informou que foi aberto um Plano de Emergência Aeronáutica, que é feito a partir do momento em que se descobre o acidente, para, posteriormente, abrir uma investigação para apurar as causas.

FONTE: GLOBO