ArtigosNotícias

Televisão Russa já especula uma Terceira Guerra Mundial

0
Televisão Russa já especula uma Terceira Guerra Mundial
Televisão Russa já especula uma Terceira Guerra Mundial

Estamos cada vez mais próximos de uma terceira guerra mundial. E por mais que seja desastroso especular algo tão caótico, o fato é que a geopolítica está caminhando para uma situação cada vez mais crítica.

Os conflitos entre EUA e Rússia sempre foram uma ameaça de nível global, mas ambos os lados possuem receios de escalonar um conflito direto, portanto mesmo havendo interesses em conflito, sempre evitaram um combate direto, pois sabem que um conflito nuclear causaria danos irreparáveis para ambos os lados.

Televisão Russa já especula uma Terceira Guerra Mundial

Televisão Russa já especula uma Terceira Guerra Mundial

Independentemente da vantagem bélica de um lado sobre o outro, o fato é que ambas as potências são gigantes no quesito de potencial destrutivo. E mesmo que um dos lados vença uma suposta terceira guerra mundial, o preço seria imenso, tanto no critério financeiro quanto humanitário. Muito provavelmente uma terceira guerra mundial condenaria o próprio conceito de vida e sobrevivência na Terra.

Televisão Russa já especula uma Terceira Guerra Mundial

A imprensa russa já não esconde essa possibilidade. A Televisão fala cada vez mais no assunto da terceira guerra mundial. No dia 29 de Abril, Margarita Simonyan mencionou nos jornais que há uma possibilidade de ataques nucleares entre diversos países.

Dmity Kiselyv já mencionou a possibilidade de aniquilar todo o Reino Unido com um único míssil nuclear, após Boris Johnson reforçar as ofensivas contra a Rússia.

‘’Boris ousa ameaçar a Rússia com armas nucleares? Ele está em uma ilha tão pequena. 1 míssil Sarmat já seria suficiente para afundar a Inglaterra de uma vez por todas”, afirmou Kiselyov.

É inegável que a Rússia teria potencial bélico para aniquilar o Reino Unido completamente, mas parece haver um certo exagero em dizer que um único Sarmat seria capaz de aniquilar o país. Por mais que o Sarmat seja caoticamente poderoso, teoricamente seriam necessários diversos mísseis Sarmat para destruir uma nação como a Inglaterra.

 

Clique para classificar este post!
[Total: 0 Média: 0]
felipeblazerz
Redator há mais de 3 anos. Felipe é amante da filosofia e da geopolítica.

    Manfred von Richthofen – O Barão Vermelho

    Artigo anterior

    Papa deseja ver Putin: Francisco pode fazer algo?

    Próximo artigo

    Comentários

    Os comentários estão fechados.

    Mais Artigos